28 de abr de 2011


É possível morrer de tanto sentir e não ter nada?
Agora, ao invés de varar a madrugada
Vou pedir socorro para Morfeu
então é adeus!!

24 de abr de 2011

Palavras vazias, palavras vãs.

  Existiam cores, e calor, você veio e simplesmente as roubou, como se nada fossem, nada valessem. O vazio que ficou as suas palavras não podem preencher, porque são como buracos negros, mas não há nada mais a ser consumido, do que existia, restam cinzas... e até onde eu saiba, fênix não existe.

Fragmentos


Cansei de contar as horas para te ver
o relógio nem fala mais comigo.

[...]

Coisas que começam e terminam
sem sequer ter um final...
mas sentir é melhor do que ser vazio?

[...]

Ter falta do que nunca se teve de fato. 
sina? carma?
Eterno pecado...