9 de mai de 2011


Busco entopercimento:
corpos, copos...
Não sentir.
Não ter.
Não saber.
Não querer. 
Há tanto em mim,
que não cabe mais aqui.

Um comentário: